Ei, mens!!
Tudo certo com vocês?

O post de hoje, está um tanto quanto incrivel!
Falarei sobre o desfile para o São Paulo Fashion Week, edição 43, história e DNA desta grande marca, que é uma das minhas favoritas!

Em um post anterior, falei sobre a coleção do João Pimenta para o SPFW N43,
Está um máximo, CLIQUE AQUI para conferir.

À LA GARÇONNE

17690112_1455525577811028_1803168379_n

17426309_1325342204185802_7727449426654099772_n

Fundada em 2009, pelo empresário Fabio Souza, a À LA GARÇONNE, iniciou suas atividades, como um brechó vintage. Em seguida, começou a atuar no segmento de moveis antigos e usados, um antiquário. Com forte idealização de sustentabilidade, e reuso de matérias.

17495591_1447508235279429_1191394910_n

ALEXANDRE HERCHCOVITCH

Em fevereiro de 2016, Alexandre Herchcovitch se desliga da sua marca Homônima, que leva seu nome(Herchcovitch;Alexandre), e que estava a frente como diretor criativo há mais de 20 anos. Desde de 2008, a marca já pertencia ao grupo InBrands, que são proprietários também, das marcas Ellus, Richards e Salinas.
Alexandre Herchcovitch tem 45 anos, é um dos maiores nomes da moda no Brasil e além da sua marca, passou pela Zoomp, Cori e Rosa Chá.

FABIO SOUZA x ALEXANDRE HERCHCOVITCH

Para alinhar á voces de forma resumida e geral, sobre a marca e seus envolvidos, é importante, falar da relação entre os dois grandes fatores chave, do sucesso desta marca. Fabio é atualmente, cônjuge do Ale, desde 2013. Recentemente eles adotaram dois meninos, entre 2014 e 2015, que recebem muito amor e são criados de forma exemplar. O casal sempre teve esse desejo da paternidade e adoção.
Segundo Ale,  trabalho e pessoal são coisas que não se misturam. É uma familia linda!!

À LA GARÇONNE x ALEXANDRE HERCHCOVITCH

Após a saida de sua marca, o Ale, foi convidado pelo Fabio, para a criação de uma coleção de Roupas, segmento ao qual a À LA GARÇONNE, passou a atuar desde o inicio de 2016.  Como estilista, juntamente com as diretrizes do Fabio, eles deram inicio há uma nova história para a marca e para suas vidas.

A COLEÇÃO DA À LA GARÇONNE SPFW N43

17690112_1455525577811028_1803168379_n

O conceito da marca é “POR QUE DESCARTAR ALGO USADO”?
Na À LA GARÇONNE, não há estação, as coleções são nomeadas por números. Esta coleção para o SPFW N43 é a numero 3 da marca, que tem o DNA sustentável.
A coleção é feita com base na criação do Ale, junto ao conceito de aproveitamento e reuso, que se sobressai fortemente na marca, que reforma roupas usadas, e cria peças novas. Compra estoques de tecelagens de tecidos antigos, e transforma em roupas novas com tecidos 100% recicláveis.
Com um intenso trabalho  para a segmentação de moda para noite, a À LA GARÇONNE, ressalta o aperfeiçoamento de peças pintadas a mão exclusivas e com poucos exemplares para venda.

Assista todo o desfile:

 Video 1 – Desfile completo, mas a música não é a original do desfile. Video do canal do FFW.

Video 2 – O Desfile não está completo, mas a música original esta correta.
Video do Canal do Denis Moraes, que é consultor de moda e designer de jóias.

DIREÇÃO CRIATIVA
Fabio Souza
ESTILISTA
Alexandre Herchcovitch
STYLING
Mauricio Ianês
BELEZA
Celso Kamura
TRILHA
Max Blum
DIREÇÃO E CASTING
Bill Macintyre

Gente!! O que foi esse desfile? O que foi essa entrada da modelo Heloísa?! Quase que marchando, pisando super firme, e informando através de muita pegada o que estava por vir!! Mais que confirmado!
Esses dois, Fabio & Ale, estão com a corda toda, alias a corda, veio como um grande simbolo e clássico da marca!!
Uma trilha sonora de arrepiar, Max Blum reinou na passarela da Á LA GARÇONNE.
O inicio do desfile, vem com inspirações no boxe, com cinturões com as siglas ALG, regatas À La Garçovitch e a palavra Love, e uma mensagem “No love a allowed”, “sem amor permitido”, pra quem acompanhou desfiles internacionais é muito comum passarem mensagens. Assim aconteceu no desfile de Á LA GARÇONNE.
Prossegue com peças e mais de 70 looks, que retratam os anos 90, trazendo um estilo grunge, punk e retrata o sado masoquismo, com pegada fetichista. Muitas peças exclusivas, couro pintado a mão, estampa de bicho, militarismo, camuflado, renda, lingerie, transparência e homens vestidos de saia, sapatos pesados. Algumas caracteristicas da marca do Ale, que sempre foram presentes na sua assinatura, o xadrez e elementos como a caveira deram as caras no desfile.
Um casting impecável, finaliza o desfile com um sequencia de modelos negros vestidos de total black, com muita imponência e ousadia, ao som de Je T’aime, Moi Non Plus. (Enquanto eu fazia este post, ouvia o som, e minha mãe super curtiu, e começou a cantar, porque ouvia está música há tempos atrás. O que nos faz identificar a pegada vintage retro característico do conceito da marca).
A união de um grande pesquisador de moda vintage, junto á experiencia de um grande estilista, com muita experiencia e história para acrescentar, fez do desfile, que deixou um legado de inovação, algo dificil até de dizer em palavras, de tão maravilhoso, ousado, que foi!
Aos poucos, a A LA GARÇONNE vem construindo sua história, e nos seus desfiles vem mostrando a cada dia mais, a sua personalidade assertiva e seu jeito de ser!

Uma das marcas que eu mais me identifiquei na life, que além de trabalhar o fator de moda consciente, de uma moda sustentável, de reuso e 100% reciclável, não perde sua essência e consegue manter o glamour, um show de energia, estilo, conceito e personalidade em todas as suas peças, em um momento que tudo se renova e se transforma, e em que a preocupação ambiental aumenta. Estou muito apaixonado, compraria todas os looks sem medo de ser feliz, assim como o Ale, o que eu mais aprecio em uma roupa é sua durabilidade, e isso eu não afirmo apenas no contexto de qualidade, e sim de durabilidade, quanto ao tempo que uma roupa permanece usável, nas mais diversas estações e situações. Acredito, que a marca já não tem essa ideologia de estação, justamente para comunicar isso, que as roupas da A LA GARÇONNE são eternas!

Todas as peças são muito usáveis, e seguindo o modelo de consumo ‘see now, buy now’(veja agora, compre agora) encontram-se disponiveis na loja e no site aos poucos, uma vez que trata-se de peças artesanalmente confeccionadas, exclusivas e em pouca quantidade.

PARCERIAS

Hardcore Footwear+ À La Garçonne –> Coturnos.

Hering + À La Garçonne –> Peças divididas em duas partes. A primeira, com peças conceito, serão vendidas na À La Garçonne. A segunda é uma coleção comercial, com 13 modelos, que já estão à venda no hotsite www.alagarconnehering.com.br

Vans + À La Garçonne –> 20 pares customizados por Herchcovitch e que já estão a venda exclusivamente na loja ALG em edição limitada.

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne SPFW - N43 Março / 2017 foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

A La Garconne
SPFW – N43
Março / 2017
foto: Ze Takahashi / FOTOSITE

O que acharam da coleção? Qual look compraria?

ENDEREÇO DA LOJA
R. Francisco Leitão, 134 – Pinheiros São Paulo – SP

Horário: seg a sex: 10h as 19h – sáb: 10h as 17h
loja@alagarconne.com.br
fone: (11) 2364-3280

LOJA VIRTUAL – Clique Aqui

Espero que tenham gostado, deste tão completo post. E me contem tudo sore o que acharam…

Curtiu? Gostou? “Dê o like do amô”.

Se tiver alguma dúvida, não exite em perguntar!

Querem sugerir temas ou algo, criticar construtivamente, falar sobre parcerias, anúncios, publicidades ?
Comentem ou me escrevam através do e-mail: modedeviepordanielmendes@gmail.com

Fonte: FFW/Ego/http://alagarconne.com.br/index.php

Ei, mens!!
Tudo bem com vocês?

Da série: #1look3acessóriosigualá3looks
Trago a ultima variação de mais um acessório em um mesmo look.
Esse mais ainda, está incrivel!

#1look3acessóriosigualá3looks

Para quem não viu o primeiro post, CLIQUE AQUI.
Para quem não viu o segundo post, CLIQUE AQUI.

Se liberte, encha o teu mundo de cores!
Uma das minhas maiores inspirações de vida, traduzida no que visto! Minha identidade, personalidade, meu estilo, em formato de cores, sabores e amores,  em conjunto com uma megalope imponente cheia de vida e com um toque paulista que só essa avenida tem!

Venham comigo e saibam tudo sobre o poder desse acessório….

As Cores da Cidade por Daniel Mendes

Lenços, deixaram de ser um artigo com maior força feminina e passaram a dar um toque de estilo nos looks dos rapazes. Acreditem! Pode ser usado durante todo ano, do verão ao inverno, e se for inserido em alguma composição de forma assertiva, faz milagres no look. E eu amei, muito isso!
Usar lenço é fashion, com uma diversidade infinita de possibilidades e formas de usar, você não vai querer ficar de fora.  Normalmente são tecidos leves, lisos ou estampados, de todos os tamanhos e formatos.

Mais adiante, irei fazer um post, sobre algumas formas de usa-los.

As Cores da Cidade por Daniel Mendes

Dentro da possibilidade do lenço, como um poderoso acessório em um look básico, estou usando um lenço que foi amor a primeira vista!! Comprei em uma feirinha indiana que estava instalada, no shopping Center 3. É um lenço muito rico em detalhes, com um acabamento maravilhoso, bem tipico indiano, com cores que de tão vivas, invadem nossas vidas, e aonde passarem… Enchendo-as de muito amor! (é que eu sinto, quando uso rs).

Paleta de cores: Em meio ás cores neutras, o lenço deu vida, esquentando tudo com o laranja que aliás. tem sido visto, em todo o canto das passarelas internacionais. Isso, em um momento em que o verde greenery, que também esta neste look, tem total espaço ao stylist dos fashionistas, junto aos vermelhões, rosa quartzo e o Jeans.

O que acharam? Gostaram ?
Com um ar de modernidade, o lenço fez de um look simples, um look fashion e usável!

Recentemente, em um dia mais frio, eu usei este mesmo lenço com blazer e foi um sucesso! Super valorizou a composição!

A base deste look foi:

Bermuda verde – C&A
T-Shirt branca – Zara
Alpargatas verde greenery – Havainas

Acessórios fixos:

Colar madeira de demolição – Artyeto
Colar – Pedra natural Mariana-MG
Óculos – Triton

As Cores da Cidade por Daniel Mendes

Um look, não é nada mais que uma manifestação cultural de nós mesmos, em nossa maneira individual de nos vestirmos. O que transmito á vocês, são possibilidades, informações de moda, dicas. Cada um veste, o que gosta, o que quer, como gosta, e o que te faz sentir-se bem.
A moda é de todos, para todos! Portanto, se joga nesse mundo, e use e abuse das possibilidades, da liberdade! Vista-se de cores e encha a tua roda viva da vida de luz! O seu estilo é você quem faz!

Foi um imenso prazer, lançar essa série de 1 look, mais 3 possibilidades de acessórios, igual á 3 looks. Logo mais. teremos uma segunda temporada. Novos projetos estão por vir, e o que eu espero?! Eu espero que voces estejam aqui comigo, do inicio ao fim, porque o sucesso não é só meu, é nosso!

Fiquem sempre por aqui!!

O mesmo look com 3 acessórios diferentes = 3 looks As Cores da Cidade por Daniel Mendes

Curtiu? Gostou? “Dê o like do amô”.

Se tiver alguma dúvida, não exite em perguntar!

Querem sugerir temas ou algo, criticar construtivamente, falar sobre parcerias, anúncios, publicidades ?
Comentem ou me escrevam através do e-mail: modedeviepordanielmendes@gmail.com

Ei, mens!!
Tudo bem?

Acessórios?! Sim, acessórios.
Já ouviram falar sobre? Com certeza, não só ouvir falar, mas a minha relação com eles é muito intensa!
Quem são eles? São, bolsas, carteiras, colares, pulseiras, Jóias(lembrando que jóias tem um peso bem maior, e representatividade pelos seus materiais nobres, e design), lenços, óculos, boné, bandana, entre muitos outros!!
De onde vem? De onde você quiser, do Oiapoque ao Chui.
E o que representam? Acessórios, cada um tem seu valor, sua função, seu objetivo no look e forma de usar. Funcionam como complemento para dar o toque final ao look, ou em alguns situações se sobressaem a peça principal do look sendo o destaque.

Serão 3 posts de um mesmo look, 3 variações de acessórios, com particularidades que agregam beleza ao todo e valorizam informação de moda, que faz com que: o que era um look se transforme em 3.

As cores da cidade by Daniel Mendes

A base deste look foi:

Bermuda verde – C&A
T-Shirt branca – Zara
Alpargatas verde greenery – Havainas

Acessórios fixos:

Colar madeira de demolição – Artyeto
Colar – Pedra natural Mariana-MG
Óculos – Triton

O acessório que inseri nesta primeira versão é nada mais nada menos, que um chapéu estilo Panamá da Zara, em um tom de verde com textura que lembra crochê, mas não é, por se tratar de um material mas fixo.

As Cores da Cidade por Daniel Mendes

Por mais simples que seja, a inserção deste chapéu, ele dá um ar de descolado ao look com um toque de estilo.

As Cores da Cidade por Daniel Mendes

sem t+¡tulo-88

Gostaram? Esperem até ver as duas variações. Vão amar!!

Curtiu? Gostou? “Dê o like do amô”.

Se tiver alguma dúvida, não exite em perguntar!

Querem sugerir temas ou algo, criticar construtivamente, falar sobre parcerias, anúncios, publicidades ?
Comentem ou me escrevam através do e-mail: modedeviepordanielmendes@gmail.com